Você deseja contratar uma empresa de assessoria e cerimonial de casamentos? Então se liga nestas dicas!

Pesquise o histórico da empresa

Conheça a empresa e o seus representantes. Verifique se eles estão certificados para prestar este serviço. Converse com amigas, busque reclamações ou denúncias na internet, consultando os sites do Tribunal de Justiça (http://tj.sp.gov.br/), Procon da sua cidade (http://www.procon.sp.gov.br/), ou até mesmo o pesquisar no Serasa Experian (https://www.serasaexperian.com.br/) e etc. É fundamental conhecer o trabalho do fornecedor do começo ao fim. Se for possível, busque indicações e não confie apenas nas pesquisas feitas no Google. A internet é uma aliada mais não confie apenas nela. Existem fóruns e sites especializados em casamento para buscar informações sobre a idoneidade das empresas.

Evite o pagamento à vista

Como os gastos de um casamento geralmente são altos, muitos noivos preferem pagar à vista e não deixar contas pendentes para depois. Para a assessoria e demais fornecedores é um grande erro. “Parcelar até a semana que antecede o casamento é uma forma de se proteger, procure sempre fazer depósitos nas contas de pessoa jurídica da empresa e não pessoa física: caso o fornecedor fure, é possível reaver parte do dinheiro, isso vale para todos os fornecedores.

Desconfie do preço

Nem sempre o profissional mais caro ou mais famoso é o melhor do mercado. Mas é possível que o mais barato seja uma grande roubada. Se todo mundo cobra R$ 5.000 e outro profissional cobra R$ 2.500 e ainda dá brinde, alguma coisa está errada. Existe um custo fixo mínimo do serviço. Ainda que o fornecedor dê um desconto, é impossível cobrar 50% do preço do mercado. Milagre não existe.

Planeje com antecedência

Quem tem tempo para planejar evita imprevistos e escolhe profissionais com maior experiência no mercado. Além disso, tem mais chances de negociar. A noiva tem de prestar muita atenção para não deixar transparecer a emoção na hora de fechar negócio com o fornecedor. Esse é o maior erro das noivas. Se ele perceber que o olho dela brilhou, já era.

Contratos cuidadosos

Os contratos com fornecedores devem ser minuciosos e explicitar item pôr item como números e marcas. Mas o trabalho de uma assessora é ressaltar que o mais importante é pesquisar o histórico da empresa para não firmar um contrato furado. Na hora do casamento mesmo, não adianta ter o contrato. O problema só vai poder ser resolvido depois na Justiça. A assessoria tem que fiscalizar tudo e todos. Por isso, é aconselhável que a assessora (o) não seja da mesma empresa que fornece os alimentos por exemplo. Verifique quanto tempo esse profissional tem no mercado e quantos casamentos já realizou, peça prova visual. Busque referências e certifique-se de que a empresa trabalha com uma equipe treinada para a realização do casamento.

Fonte: Frota Neto (MF Cerimonial)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *